Pular para o conteúdo

Rueda lamenta derrota para o Grêmio

07/11/2017

Erick Gomes da Silveira        

Reynaldo Rueda, técnico do Flamengo assumiu a responsabilidade pela derrota contra o time gaúcho, por 3 a 1, na Arena. O Flamengo abriu o jogo com um gol de Éverton Ribeiro, nos minutos iniciais do segundo tempo, mas não conseguiu segurar o placar. “O jogo, até o 1 a 0 pra nós, foi um jogo muito controlado, muito correto, também vou dizer que o Flamengo foi agressivo, e foi com grande disposição até marcar o 1 a 0, depois foi uma situação desafortunada pra nós”, declarou Rueda. O técnico do Flamengo também afirmou que o 1 a 1 não era o resultado que o time desejava, mas era melhor do que perder o controle do jogo.

Segundo Rueda, foi logo depois do empate com o grêmio que o time carioca perdeu a agressividade, disposição e ordem no jogo. “Era preciso aceitar esse 1 a 1, trabalhar e manter a partida controlada. Mas, depois se engana o Rene, se engana o Pará para controlar uma bola, aí teve um jogador que entrou tranquilo, dominou o jogo e teve a sorte de decidir bem, e finalizar e fazer o gol”, explica Rueda, falando sobre o jogador Éverton, do Grêmio, que substituiu Jael no segundo tempo e foi o responsável pelos dois primeiros gols do time gaúcho.

Questionado sobre a possível falta de preparação e desgaste físico depois do jogo contra o Fluminense na Copa Sul Americana, Rueda disse que isso não é argumento, pois o Grêmio está na mesma situação que o time carioca por estar disputando a Copa Libertadores da América, e que o time rival deveria ter ficado desesperado, não o Flamengo. Sobre o posicionamento mais retraído e focado durante o jogo, o técnico do Flamengo afirmou que isso não é um hábito, é uma situação secundária à situação do jogo, que não tem nada a ver com o jogo, nem com o resultado.

Depois da notícia do dopping de Paolo Guerreiro, Rueda preferiu não falar com o jogador, respeitando que essa é uma situação difícil para ele e para o clube carioca. Sobre os jogadores ausentes na escalação do time, como Diego Ribas, Réver, Berrío e Juan, além de Paolo Guerreiro, o técnico afirmou que o Flamengo estava fazendo um grande jogo com os que estavam ali, mesmo com a ausência 5 jogadores titulares.

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: