Skip to content

A popularização do MMA nas academias de Porto Alegre

23/04/2013

Por Lauren Steffen

Com as vitórias consecutivas de lutadores brasileiros em competições internacionais, o MMA se tornou popular nas academias de Porto Alegre. Pessoas de diferentes faixas etárias procuram conhecer mais sobre o esporte na prática. Uma academia do bairro Bom Fim, na capital gaúcha, resolveu implantar uma turma de MMA há dois anos. Segundo o instrutor Fabiano Porto, a procura é crescente.

-Estamos com uma turma de 20 alunos agora. Entre eles, temos crianças, mulheres, pessoas de mais idade. A tendência é que a turma cresça, porque o UFC tornou o esporte muito popular.

A advogada Priscila Silva começou lutando jiu-jitsu por influência do marido, que também praticava o esporte. Há um ano e meio, resolveu fazer uma aula de MMA e não parou mais.

-O esporte é incrível para quem está à procura de mais agilidade e resistência física. Nas aulas, dá para aprender diferentes técnicas de luta e, ainda por cima, o gasto calórico é muito alto.

O MMA (Mixed Marcial Arts) é um esporte que reúne modalidades diferentes de artes marciais, que incluem tanto golpes de combate em pé quanto técnicas de luta no chão. Um dos maiores eventos do esporte no mundo é o Ultimate Fighting Championship (UFC). Os lutadores brasileiros são famosos na competição e lideram em diversas categorias. Exemplo disso é o lutador Anderson Silva, que detém o cinturão de peso médio. Por muitos anos, o MMA foi considerado sinônimo de vale-tudo. No entanto, com a profissionalização do esporte, as regras ficaram mais rígidas a fim de preservar a integridade física dos atletas. O instrutor de MMA Marcio Corleta explica as normas de conduta no esporte:

-Não é permitido dar cabeçadas no oponente, morder, cuspir, atacar a região genital, utilizar linguagem abusiva no ringue. Qualquer falta significa um ponto a menos na contagem oficial dos juízes. O competidor pode até ser desclassificado se cometer mais de três faltas.

Nas competições oficiais de MMA, o atleta pode utilizar luvas, proteção bucal e genital e uma bermuda. Apesar desses equipamentos de proteção, as lesões são frequentes, pois se caracteriza como um esporte de alto impacto. O médico do esporte Cláudio Franco alerta para as possíveis contusões:

-Como os golpes são repetidos e, muitas vezes, aplicados no mesmo local, pode haver danos de longa duração. Os danos mais comuns são os neurológicos. Muitos ex-atletas de boxe e MMA sofrem de Parkinson e demência senil após anos sem praticar essas atividades.

Para garantir a prática correta, é fundamental procurar orientação especializada. Dessa forma, os fãs de MMA poderão sentir na prática os benefícios do esporte que movimenta milhões de dólares todos os anos.

Os brasileiros Vitor Belfort e Anderson Silva disputaram o cinturão dos pesos médios no UFC 126, em Las Vegas. Anderson venceu Belfort por nocaute.

Os brasileiros Vitor Belfort e Anderson Silva disputaram o cinturão dos pesos médios no UFC 126, em Las Vegas. Anderson venceu Belfort por nocaute.

A prática de MMA atrai pessoas de todas as idades para as academias de Porto Alegre.

A prática de MMA atrai pessoas de todas as idades para as academias de Porto Alegre.

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: